Riscos Socioambientais para Belo Horizonte

Mariana Faria Anfitriã do Conexão Verde • 28 Julho 2022

Ontem, dia 26/07 aconteceu mais uma audiência pública para debater os riscos socioambientais para o município de Belo Horizonte, com à implantação de novos empreendimentos minerários, em especial no tocante à Mineração Gute Schit Ltda. A Serra Do Curral vêm sendo a muitos anos ameaçada pelo interesse de mineradoras, se tornando mais um alvo para a destruição, colocando em risco a perda de um patrimônio importantíssimo, uma rica biodiversidade, nossos recursos hídricos e ameaçando a qualidade de vida dos moradores da região.

O governo de Minas Gerais têm sido extremamente incoerente em relação ao que é dito e feito. Por um lado Minas Gerais é conhecida como o primeiro estado da América Latina a assinar o acordo race to zero, se comprometendo a zerar emissões líquidas de gases de efeito estufa até 2050, além de a capital, Belo Horizonte, estar super envolvida nas questões climáticas, tendo a existência do Comitê Municipal sobre Mudanças Climáticas e Ecoeficiência, estar associada ao ICLEI (International Council for Local Environmental Initiatives), o PREEGE (Plano De Redução De Gases De Efeito Estufa), entre outros. Por outro, nós temos o próprio governo estadual e órgãos ambientais, atuando na direção contrária, liberando cada vez mais atividades que trazem impactos graves e imensuráveis para a população, crimes e "tragédias". 

Como pode um estado que é líder em destruição da Mata Atlântica, que libera a mineração acelerada e descontrolada em nossas serras, que deixa passar impune crimes gravíssimos, se identificar como referência na luta climática e na defesa da natureza? Precisamos de representantes que estejam verdadeiramente comprometidos com a preservação de nossos bens naturais e que garantam o cumprimento das políticas públicas que visam essa proteção. Chega de destruição em Minas Gerais! 

#Tiraopédaminhaserra #tombeaserradocurral #mineraçãonão #racetozero #mudançasclimáticas #sosmataatlântica

Arquivos